quinta-feira, 15 de fevereiro de 2018

Uma Mulher Fantástica (Una Mujer Fantástica)

"Uma Mulher Fantástica" (2017) dirigido por Sebastián Lelio (Gloria - 2013) é um filme real e essencial que disserta sobre o preconceito e a discriminação intrínseca, comentários, olhares, curiosidade, e também explícitos, como na repulsa e suspeitas, é preciso muita força perante tanta ignorância, atitudes absurdas e julgamentos das pessoas. Com sutileza, coragem e muita determinação a personagem passa por diversas tristezas, privações, mas segue firme, ela precisa encontrar o seu caminho.
Marina (Daniela Vega) é uma garçonete transexual que passa boa parte dos seus dias buscando seu sustento. Seu verdadeiro sonho é ser uma cantora de sucesso e, para isso, canta durante a noite em diversos clubes de sua cidade. O problema é que, após a inesperada morte de Orlando (Francisco Reyes), seu namorado e maior companheiro, sua vida dá uma guinada total.
Após perder seu companheiro, Marina enfrenta dificuldades para ter o direito de luto, proibida de participar do velório e enterro, ainda é investigada para provar que nada teve a ver com a morte, Marina não consegue vivenciar a fase da perda, a tristeza de ter perdido o seu amor, os familiares questionam o tipo de relação, debocham e humilham Marina, a ex-mulher chega a chamá-la de quimera. Tiram o carro, o apartamento, a dignidade, suas forças chegam a minar, mas precisa manter sua cabeça erguida e tão pouco provar alguma coisa, pois não há nada para ser provado, só que cada vez mais a tristeza a consome, a ausência de Orlando, seu desejo de vê-lo pela última vez, as suas tentativas de luta sempre terminam mal, todos duvidam e não aceitam de que ela mantinha um relacionamento com Orlando, há uma cena simbólica que demonstra a força que necessita ter para passar por esse tormento, ela caminha e uma grande ventania a toma.
A delicadeza é um dos pontos mais lindos do filme, a personagem é como o título diz, uma mulher fantástica, repleta de nuances, complexidades e beleza, exibe uma carga dramática intensa e tudo se deve a incrível interpretação de Daniela Vega que doa muito de si mesma para Marina, por exemplo, seu talento para o canto, impossível não se encantar com as passagens em que solta a voz, além de poder passar a veracidade das situações, pois conhece muito bem os preconceitos. Seus grandes olhos entregam tudo, compreendemos suas atitudes e seus silêncios.

A obra é intimista e faz questão de mostrar que a personagem tenta seguir sua vida trabalhando, treinando seu canto, e depois do falecimento do namorado poder chorar por ele, como todos que perdem alguém amado, mas ela é impedida, é questionada pelas autoridades, é obrigada a fazer um exame de perícia e a família de Orlando invade sua vida, entra no apartamento, como o filho, que comete violência em todos os sentidos, ela tem sua dignidade arrancada por ignorância daqueles que não querem entender a situação e tão pouco enxergá-la como ser humano. Há momentos que demonstram preconceitos corriqueiros, comentários que saem até de pessoas que dizem não ser preconceituosas, uma amostra do quanto a sociedade ainda pensa estreitamente e necessita de um despertar de consciência maior para que esse tipo de pensamento seja eliminado das próximas gerações e que todos consigam viver em paz. Marina, infelizmente, tem sua vida paralisada porque os outros a impedem, a olham torto e duvidam de sua capacidade a rotulando por ser uma mulher trans.

"Uma Mulher Fantástica" tem uma narrativa delicada e não há grandes arcos dramáticos, observamos a luta de Marina, deveras silenciosa, pois é impossível reagir diante a quem não tem intenção de ouvir, ela não briga por ter o carro e o apartamento tomado, apenas deseja chorar e velar por seu amado, ter o cão que morava com eles para si e seguir em frente. O quão mesquinho e intolerante o ser humano pode ser para negar a alguém o direito de sentir e ser quem se é? 
Angustiante, sensível e um real retrato, a personagem possui um oceano de dor em si, mas sua força é extrema e inspiradora, assim como o título diz, fantástica!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

SE FOR COMENTAR, LEIA ANTES!

NÃO ACEITO APENAS DIVULGAÇÃO.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...