terça-feira, 12 de abril de 2016

O Perfume da Memória

"Uma mora na casa do medo. Outra mora na casa da coragem. Às vezes trocam."

"O Perfume da Memória" (2016), terceiro longa de Oswaldo Montenegro (Solidões - 2013) é um filme poesia, lindo em todos os sentidos, ele é permeado por belíssimas canções, compostas e interpretadas por Oswaldo Montenegro. Duas musicistas, a flautista Madalena Salles e a violoncelista Janaína Salles também ligam as cenas, além da bela narração feita pelo próprio Oswaldo que nos introduz suavemente à história.
O amor que chega sem avisar e que se instala sem preocupações, um amor que ultrapassa barreiras, regras e se impõe acima da razão. Acompanhamos o amor surgir entre duas mulheres que pensam a vida de formas completamente diferentes. Uma sabe de um segredo que pode afastar ou aproximar as duas. Uma afinidade mágica, ameaçada pelas circunstâncias.
Ana (Kamila Pistori) é uma mulher que age pela razão, ama e respira arte, e vive em seu próprio mundo por saber que a vida comum não lhe basta. Laura (Amandha Monteiro) é o oposto, emocional e carente, abandonada pelo marido no dia de seu aniversário sofre sozinha, mas ela guarda um segredo no fundo de uma gaveta, um caderno de poesias do qual nunca mostrou a ninguém. Ana bate à porta de Laura e tenta de todas as formas conhecê-la, soube por amigos em comum que Laura estava só e ferida após o marido a deixar. Ana é envolvente, inteligente e estimula a curiosidade da outra. O fato é que sem mais nem menos Ana entra no apartamento e daí pra frente se inicia uma relação afetuosa, afinidades e diferenças as une.
A conversa flui e as possibilidades de novos sentimentos surgem, um outro ar toma aquela casa, Laura vai se encantando por Ana, e essa noite regada a vinho e desabafos ganham contornos de inúmeras cores. São conversas animadas, inteligentes e fascinantes. Difícil definir o momento exato em que acontece a conexão, na verdade, não tem como saber onde é que tudo começa. Claro, entre as duas há discordâncias, Laura é emoção e se entrega as suas paixões, já Ana se priva e foge quando percebe que irá se aprofundar.

"O Perfume da Memória" é extremamente poético, a sensibilidade da história penetra a nossa alma e nos faz lembrar de nossas próprias paixões, do porquê é que nos apegamos a certas pessoas, e o que nos faz querer ter alguém para compartilhar tudo.
É um filme especial que ao mesmo tempo nos faz sorrir e também chorar. A trilha sonora é sublime, Oswaldo Montenegro nos presenteia com tantas sutilezas, uma imensidão de sentimentos invade e ficamos atordoados ao final. Tristes e felizes, assim como uma paixão que nos toma por completo em um segundo de distração.

O filme é independente e está disponível no canal do Youtube de Oswaldo Montenegro. Clique aqui.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

SE FOR COMENTAR, LEIA ANTES!

NÃO ACEITO APENAS DIVULGAÇÃO.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...