quarta-feira, 4 de novembro de 2015

Noite Decisiva / Concrete Night / Betoniyö

"Concrete Night" (2013) dirigido pela finlandesa Pirjo Honkasalo é um filme melancólico que demonstra toda a fragilidade de um garoto a mercê do vazio que o rodeia. Sem esperanças ele vaga pelas ruas de Helsinki e influenciável se apega a qualquer ideia.
Simo (Johannes Brotherus), um garoto de 14 anos que ainda não tem um senso próprio de si e nem a capacidade de se proteger apropriadamente do mundo que o cerca, e seu irmão mais velho, Ilkka (Jari Virman), são filhos de uma mãe (Anneli Karppinen) solteira indefesa e imprevisível. Seu lar caótico é localizado nas profundezas do coração de uma selva de pedra em Helsinki. Ilkka tem um dia de liberdade antes de começar a cumprir sua pena na cadeia, portanto a mãe convence Simo a passar a última noite com o seu irmão. Certas coisas acontecem nesta noite e Simo testemunha incidentes que ele preferia não ver. Simo, que não tem a capacidade de distorcer o que vê ou de se iludir, vê as coisas exatamente como elas são. Quando não filtrado, o mundo parece insuportável.
Um filme urbano e pessimista, chegando mesmo a ser niilista, faz um passeio pela mente de um jovem rapaz que aos poucos perde sua inocência diante aos acontecimentos. Sua vida é um vazio, cercado por uma mãe decadente que pouco se importa com a própria vida e um irmão que está prestes a ir pra cadeia, percebemos o quão influenciável é Simo, sem norte ele vai conforme é conduzido por outros, seu irmão não capta que o menino está em transição e pouco viu da vida e o que observa e escuta é o suficiente para deixá-lo atordoado.

O lugar em que mora é um conjunto habitacional em que figuras das mais variadas moram, um local obscuro, úmido e completamente marginal. Ele vaga pelo ambiente e sempre se depara com um homem do qual acha que é gay. Em dado momento entra na casa dele e entre conversas filosóficas e estranhas, além de tirar fotografias, o homem tenta agarrá-lo, Simo desnorteado começa a bater violentamente nele. Enfim, isso desencadeia uma revolta e um desespero mortificante no garoto, nada será capaz de abrandá-lo.
Simo tem semblante angelical, é puro em relação ao mundo e se impressiona facilmente, principalmente quando o irmão lhe diz sobre os escorpiões dominarem e comerem nós seres humanos. Suas ideias de drogado o atingem em cheio e ele leva tudo a sério, o que culmina em um triste fim.
A aura do filme é pesada e pessimista, repete-se ao longo que a única coisa que se deve ter medo é da esperança, os diálogos beiram ao filosófico e contemplamos cenas belíssimas, onde a fotografia em preto e branco só evidencia essa decadência.

Perturbador ver o quão perdido está Simo, sem boas influências ele vai de encontro a dor. Sua mãe busca ainda ter lampejos de alegria em meio a bebidas e homens, e ele vê no irmão uma possibilidade de laço, só que Ikka acaba sendo o modelo que o levará para a ruína, já que Simo não tem discernimento e a capacidade de se iludir perante a vida.
"Concrete Night" demonstra a fragilidade de uma juventude afogada no vazio, sem visões de futuro e que se apegam a qualquer coisa. Um filme sensível, porém seco e requer um pouco de força para vê-lo até o fim, não é agradável assistir a miséria humana.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

SE FOR COMENTAR, LEIA ANTES!

NÃO ACEITO APENAS DIVULGAÇÃO.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...