segunda-feira, 21 de julho de 2014

Pelos Olhos de Maisie (What Maisie Knew)

"Pelos Olhos de Maisie" (2012) adaptado da obra homônima de Henry James é um filme cujo tema é o retrato de uma triste realidade, crianças que são alvos do egoísmo de pais que parecem nunca estarem satisfeitos com a vida. O livro de Henry James foi publicado em 1897, o que demonstra que histórias assim sempre existiram, é algo atemporal, e é necessário expô-las de modo que gerem reflexões. Colocar filhos no mundo é muito fácil, mas ser pai e mãe exige estrutura emocional, tempo, paciência, entre outras coisas. O filme nos faz lembrar daquele velho ditado: "Pai e mãe não é aquele que coloca no mundo, mas sim aquele que dá amor."
A história gira em torno do conturbado divórcio dos pais de Maisie (Onata Aprile), uma garotinha de sete anos que tenta entender o que se passa. De um lado a mãe, Susanna (Julianne Moore), uma estrela do rock. Do outro o pai, Beale (Steve Coogan), um influente galerista. Em meio a tantas brigas e disputas judiciais, Maisie recebe carinho de sua babá Margo (Joanna Vanderham), que inicia um relacionamento com o pai da menina, e de Lincoln (Alexander Skarsgard), o namorado de sua mãe. No decorrer Maisie vai encontrando um novo significado para a palavra família. Enquanto sua mãe completamente desestabilizada segue em turnê, e seu pai workaholic viaja, Maisie fica aos cuidados ora de Margo, ora de Lincoln.
O interessante é justamente que tudo isso é mostrado sob o olhar da pequena Maisie, as cenas em que ela vai pra casa do pai que a trata com frieza, e depois pra da mãe com aqueles ataques histéricos mostra o quanto eles são egocêntricos. Já Margo vai nos encantando aos poucos com toda sua preocupação, e Lincoln que de início parece imaturo conquista por sua delicadeza. É claro que os relacionamentos tanto do pai de Maisie com Margo, e o de Susanna com Lincoln não vão pra frente, então a situação fica mais complicada, pois mesmo assim Margo e Lincoln cuidam da menina. Várias cenas exibem o quanto ela fica perdida, em uma delas uma moça do bar em que Lincoln trabalha a acolhe, é de cortar o coração.

O filme discute o conceito família, que não significa apenas ter o mesmo sangue, mas sim a troca de amor, a sensibilidade, o vínculo. Maisie lindamente interpretada por Onata Aprile é uma criança doce, carinhosa e que se expressa com o olhar, mesmo com o caos ao seu redor ela continua dentro de uma aura inocente, sem jamais demonstrar qualquer tipo de revolta, ela aceita as gotas de amor que vai recebendo. Vale ressaltar essa personalidade que ganha a nossa atenção e nos faz odiar ainda mais esses pais egoístas, pois como pode alguém não gostar de uma criança tão amável como Maisie?

Apesar do drama é um filme leve que nos faz pensar sobre o como uma criança lida com todo esse universo conturbado do adulto. Para quem tem filhos é bom analisar o quão distante tem sido deles, sendo individualista olhando somente pelo próprio ângulo, ou achando-se presente dando apenas bens materiais, também serve para aqueles que desejam ter filhos, pois é necessário se desprender de muitas coisas para dar o que uma criança precisa. Maisie teve sorte em encontrar pessoas tão boas em sua vida, mas quantas outras crianças estão na mesma situação sem ninguém para auxiliá-las?
É muito válido ao trazer um tema que acontece aos montes na sociedade. Delicado, "Pelos Olhos de Maisie" é um filme necessário.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

SE FOR COMENTAR, LEIA ANTES!

NÃO ACEITO APENAS DIVULGAÇÃO.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...